Intrometendo

Aqui você se intromete em tudo…

Postagens apelativas e irritantes do Facebook

O Facebook é uma rede social bastante útil, mas ultimamente temos lido diversas postagens super apelativas nessa rede social. Não tem um único dia em que não nos deparamos com pelo menos uma dessas postagens em nosso feed de notícias no Facebook.

Sabe essas publicações apelativas, que tentam passar uma lição para que você tenha uma vida melhor, e que tanto poluem seu feed de notícias no Facebook? Pois é, esse tipo de conteúdo está com os dias contados. A rede social anunciou que vai ‘limar’ esse tipo de postagem.

Normalmente, graças ao elevado número de cliques, essas postagens recebiam um destaque invejável, mas como a quantidade de reclamações é proporcional aos “curtir” que elas ganham, o site decidiu que era hora de dar uma trégua a quem não suporta mais ver títulos como:

“O que aconteceu a esta criança vai fazer você repensar a sua vida”.

Quem não quiser ver seus amigos ocultando suas publicações ou deixando de segui-lo, evite e jamais publique ou compartilhe coisas do tipo.

“Amigo de verdade é aquele que curte seu status quando percebe que ninguém vai fazer isso!”

Quem nunca se sentiu constrangido com postagens desse tipo?! Principalmente aquelas que mais parecem ameaça: “ou curte o que posto, ou não haverá motivo para tê-lo entre meus amigos!”. Muitas pessoas extrapolam o limite do bom senso quando estão carentes.

Elas precisam saber que, há um bom tempo, o Facebook vem limitando o alcance de suas postagens. Isto é, as coisas que elas postam entrarão no feed de notícia de pouquíssimos amigos, geralmente daqueles que mais interagem com elas – e nem sempre isso acontece. Mas se a postagem for muito interessante, e os primeiros que a virem interagirem de alguma maneira, mais pessoas irão vê-la. Quanto maior o engajamento (curtidas, comentários, compartilhamentos), maior será o alcance.

“Quem não tem preconceito, curte e compartilha!”

Eu acho o fim da picada esse tipo de postagem! Então quer dizer que se eu vir a postagem e não fizer nada, sou preconceituosa? E tudo o que eu já fiz de bom durante toda a minha vida será anulada por conta de uma imagem que não curti nem passei adiante?! Ou o simples ato de passar adiante uma imagem me tornará a pessoa mais despida de preconceito do mundo? Me poupe! É bom lembrar que há vida fora do Facebook.

“ATENÇÃO! Não pare de ler, senão você vai morrer!”

Não faço a mínima ideia do que vem depois disso. Nunca li e ainda estou aqui.

“A força da sua inveja é combustível para o meu sucesso!”

O conceito “todos me invejam” é simplesmente ridículo! Primeiro, porque mesmo que haja inveja, esse sentimento não é nenhum poder sobrenatural capaz de matar ou paralisar alguém, a não ser quem o sente. Claro que, movidas por inveja, muitas pessoas fazem fofocas ou tentam destruir umas às outras, mas o sentimento, por si só, não tem efeito nenhum sobre as vítimas de inveja.

Mas o ponto crucial nesse conceito é o orgulho, a vaidade. A que ponto uma pessoa chega ao pensar que é o centro do universo e que todos a sua volta invejam a vida incrível que ela tem, sua beleza ou riqueza! É o cúmulo da presunção!

“Oi, meu nome é Samanta, tenho 14 anos (teria se estivesse viva), morri aos 13.”

Fantasma mentiroso! Desde o Orkut já dizia ter essa idade.

Entra ano e sai ano, lá estão os medrosos de plantão morrendo de medo de quebrar a corrente e morrer. Fala sério!

“Deixe seu ‘Amém’ para salvar a vida desse anjinho!”

É comum vermos imagens impactantes de criancinhas ou animaizinhos doentes, machucados ou deficientes (muitos deles já nem estão mais entre nós) sendo compartilhadas sem o menor remorso. A intenção real de quem cria esse tipo de post é provocar comoção nas pessoas e usá-las para atingir seu objetivo, que é nada mais nada menos que dar uma guinada em suas páginas.

Se você também acha essas publicações apelativas e irritantes, mostre este artigo a seus familiares e amigos para alertá-los sobre isso. Quanto mais pessoas se derem conta que estão sendo manipuladas, mais rapidamente poderemos dar fim a todo esse lixo virtual.

Próximo

Anterior

Deixe seu comentário

© 2009-2017 Intrometendo | Anuncie | Sobre | Política de Privacidade

Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Alló Digital