Como o sistema destrói uma reputação online

Com a desculpa esfarrapada de “segurança, hacker e etc”, está ocorrendo na internet, diversas operações de bandeira falsa (false flag) para justificar a censura e destruir reputações, seja de pessoas ou de sites anti-sistema. Diversas agências governamentais estão se infiltrando em comunidades online e quando essas coisas são reveladas o próprio documento diz que irá se alegar “teoria da conspiração”.

Justificar que está atingindo ‘anonymous e hacktivistas’ equivale a atingir cidadãos por expressar suas crenças políticas resultando em asfixiar a dissidência legítima. Agora, temos provas claras que vários governos estão pagando pessoas para manipular o discurso em mídias sociais, blogs, fóruns e sites.

O objetivo é criar uma ditadura global, onde o cidadão comum não terá direito a nenhuma liberdade civil e será cada vez mais um escravo do sistema. Com o aumento da “vida online” estas táticas são na verdade o gerenciamento do conhecimento de toda a sociedade moderna.

Como o sistema destrói uma reputação online

O documento mostra ainda que o uso de psicologia e outras ciências sociais são usadas não apenas para entender mas para moldar e controlar as pessoas online. Sobre o título de “Online covert action” (ação encoberta online) o documento mostra estudos avançados para manipular internautas, moldando sua forma de pensar, sua consciência e utilizando de engenharia social e mentiras deslavadas para destruir reputações de sites e pessoas que tentam mostrar a verdade por detrás das cortinas do sistema.

A agência GCHQ descreve o propósito do JTRIG nos seguintes temos: “usar técnicas online para fazer algo acontecer ou no mundo real ou no mundo cibernético (e com isso a pessoa pode ser completamente destruída por culpa ou associação)”.

A raiz de toda essa tática pode ser descrita em duas vertentes:

  • 1 – Injetar todo tipo de falso material na internet para destruir a reputação de seus alvos.
  • 2 – Usar ciências sociais e outras técnicas para manipular o discurso e ativismo online gerando resultados que eles consideram desejáveis.

Os serviços de inteligência pró-sistema estão utilizando diversas técnicas online para o seu trabalho de destruir reputações e esconder, varrer a verdade para debaixo do tapete como:

  • Monitoramento de usuários no Youtube, Blogger, WordPress e afins.
  • Atingir sites e usuários com ataques DDOS enquanto essas mesmas vítimas seriam acusadas de estarem realizando ataques do tipo.
  • O uso de “Honey traps” que é a tática de envolver pessoas em determinadas situações com a promessa de sexo, como um encontro marcado via internet para comprometer determinado usuário com determinada situação.
  • Criar blogueiros pagos no Youtube, blogs e fóruns na internet para moldar e maquiar fatos.
Este site foi criado por Luís Eduardo Alló (fundador e editor), bacharel em Direito, mineiro de Muriaé – MG e que adora trabalhar na web.

Próximo

Anterior

Estratégia das Tesouras Estratégia das Tesouras
Brasil - Ditadura Maçônica Comunista Brasil - Ditadura Maçônica Comunista
O homem foi realmente a lua? O homem foi realmente a lua?
Jogo dos Illuminati: A Nova Ordem Mundial - INWO Jogo dos Illuminati: A Nova Ordem Mundial - INWO
Como o Brasil está perante a Nova Ordem Mundial Como o Brasil está perante a Nova Ordem Mundial
A fábrica de zumbis A fábrica de zumbis
Intrometendo - O único local onde se encontra a verdade Intrometendo - O único local onde se encontra a verdade
Nova Ordem Mundial – New World Order (NWO) Nova Ordem Mundial – New World Order (NWO)

© 2009-2017 Intrometendo | Anuncie | Sobre | Política de Privacidade

Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Alló Digital