O direito de “ir e vir” é uma Farsa

A liberdade de locomoção é um direito fundamental de primeira geração que se goza em defesa da arbitrariedade do Estado no direito de ingressar, sair, permanecer e se locomover no território brasileiro. Este direito encontra-se acolhido no art. 5, XV, CF onde diz que é livre a locomoção no território nacional em tempo de paz, podendo qualquer pessoa, nos termos da lei, nele entrar, permanecer ou dele sair com seus bens.

Nos anos de 1970, as rodovias que davam acesso as principais cidades do Brasil, as capitais brasileiras, foram todas elas abandonadas, deterioradas, largadas de propósito pelo poder público em uma ação conjunta de todos os Estados brasileiros afim de beneficiar posteriormente, mas já planejado anteriormente as empresas de pedágio, em um plano maquiavélico, sendo que os acidentes eram constantes. Muitas vidas foram dizimadas por conta de uma Regra de três: AÇÃO, REAÇÃO E SOLUÇÃO.

  • Ação (premeditadamente combinada): Eles deterioram de propósito as rodovias, alegando falta de verbas, para assim esperar a “reação” da população.
  • Reação (previamente previsto anteriormente): A população pede melhorias nas rodovias, todas elas esburacadas de propósito pelo poder público em uma ação conjunta de todos os Estados brasileiros.
  • Solução (anteriormente planejada): Entregar tudo a iniciativa privada, com a privatização, através de postos de pedágio que são praticamente controlados pelos mesmos grupos empresariais (ligados a lojas maçônicas).

O direito de “ir e vir” preconizado na Constituição Federal da República do Brasil passa então a ser apenas “letra morta na lei” e na nossa Constituição Federal. Todas as oposições, falsamente criadas e construídas pelos partidos políticos que fazem o jogo das lojas maçônicas e infelizmente também um judiciário intimidado por elas, são todas elas silenciadas e controladas. E assim, o direito de “ir e vir” do cidadão brasileiro é jogado no lixo.

O pobre cidadão brasileiro que já é manipulado, controlado, alienado, idiotizado, escravizado, enganado, humilhado, feito de bobo da corte, um mero repetidor nas escolas, condicionado a ser escravo pelo ensino e pela mídia controlada, e o cidadão de bem, honesto e trabalhador (assalariado) que não pode pagar ao pedágio, simplesmente fica preso em sua cidade, ficando impedindo de se deslocar em seu próprio País, em seu próprio Estado e impossível de viajar de uma cidade para outra cidade dentro de seu território que ali vive.

Estando totalmente preso em um local, simplesmente porque não quer dar dinheiro aos grupos empresariais que controlam as rodovias, através de um plano e uma regra de três: AÇÃO, REAÇÃO E SOLUÇÃO. Onde alegam que o povo, pediu pela privatização das rodovias e do pedágio, sendo que foi uma ação conjunta, política e totalmente manipulada pelo poder que controla os partidos políticos por “debaixo dos panos”.

E com tudo isso, o preço do pedágio, fica mais caro, se você quiser levar um produto de um estado para o outro, fica com valor elevado, se você quiser viajar com sua família de uma cidade para a outra, você é extorquido pelas empresas de pedágio.

Alguns movimentos surgem contrários a essa iniciativa do sistema, mas esses movimentos não vem de cunho popular nem de origem popular, mas através de organizações do próprio Governo e do sistema (lojas maçônicas, mídia controlada, partidos políticos, grupos empresariais) apenas para que se alguma oposição real for criada, eles digam, já existem pessoas lutando pelo povo a favor disso, se associem a essas pessoas, criando assim falsas oposições, controladas totalmente pelo sistema e Governo. E se alguém se levantar verdadeiramente questionando, alegam que já existem movimentos e as pessoas são induzidas a se juntarem aos falsos movimentos de oposição, ficando assim a população sendo cobrada eternamente por pedágios e o direito escrito na lei, e vendido a população, não sendo cumprido, por conta de interesses empresariais.

Jornais e a oposição controlada

Os jornais ainda fingem que estão do lado da população e os prefeitos de cidades também alegam que estão contra o pedágio e as empresas, sendo que eles, fazem parte de lojas maçônicas também, a mesma entidade que controla as empresas de pedágio e os cidadãos que leem essas notícias, acreditam sem questionar que seus interesses estão sendo protegidos e defendidos falsamente, pelos jornais e pelos seus  falsos representantes, que fazem parte do mesmo grupo que controla e manipula as situações, com uma regra de três: AÇÃO, REAÇÃO E SOLUÇÃO.

O que notamos é que são criadas oposições fantasiosas, no caso de oposições reais e verdadeiras elas são totalmente bloqueadas e desacreditadas, se você quiser se opor eles dizem “una-se a tal grupo, que eles já estão lutando por isso a favor do povo”, grupos esses controlados pelas mesmas pessoas que querem impor sua vontade de cobrar ao cidadão o seu direito de se locomover dentro do seu próprio País, estado e cidade.

O direito de ir e vir e as leis

Existem alguns juristas no Brasil, que fazem o jogo sujo de defender o controle por pedágio e a privatização, defendendo as empresas em um processo de AÇÃO, REAÇÃO E SOLUÇÃO, são mercenários pagos afim de enganar o cidadão com argumentação sofista, utilizando de psicologia e da alienação das massas populares para desacreditar qualquer oposição real, fazendo assim uma “defesa” paga por ricas empresas que exploram toda a população e o direito de “ir e vir” do cidadão brasileiro, passa a ser um mito, uma frase bonita e rebuscada escrita em nossa Constituição, para beneficiar apenas a enganação e a alienação, e na prática, são as empresas que decidem e mandam no cidadão e em toda população brasileira.

Este site foi criado por Luís Eduardo Alló (fundador e editor), bacharel em Direito, mineiro de Muriaé – MG e que adora trabalhar na web.

Próximo

Anterior

Estratégia das Tesouras Estratégia das Tesouras
Brasil - Ditadura Maçônica Comunista Brasil - Ditadura Maçônica Comunista
O homem foi realmente a lua? O homem foi realmente a lua?
Jogo dos Illuminati: A Nova Ordem Mundial - INWO Jogo dos Illuminati: A Nova Ordem Mundial - INWO
Como o Brasil está perante a Nova Ordem Mundial Como o Brasil está perante a Nova Ordem Mundial
A fábrica de zumbis A fábrica de zumbis
Intrometendo - O único local onde se encontra a verdade Intrometendo - O único local onde se encontra a verdade
Nova Ordem Mundial – New World Order (NWO) Nova Ordem Mundial – New World Order (NWO)

© 2009-2017 Intrometendo | Anuncie | Sobre | Política de Privacidade

Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Alló Digital